Durante patrulhamento de rotina pela estrada que leva até o Porto Caiuá, Policiais Federais encontraram  ontem (7) duas carretas carregadas com 1.200 caixas de cigarros contrabandeados do Paraguai.

a carga milionária estava sendo levaada para o Paraná e atravessaria o rio em uma balsa no Porto Caiuá na divisa do Mato Grosso do Sul com o Paraná.  Após darem ordem de parada, os motoristas saltaram dos veículos e empreenderam fuga pela mata as margens da  estrada, não foram localizados.  No entanto, dois homens que atuavam como olheiros foram presos por portarem rádios transmissores e acompanharem a movimentação dos policiais.Todo o material apreendido foi levado para a Delegacia de Polícia Federal de Naviraí e a carga está avaliada em mais de R$ 1. 8 milhão.

A ação contou com o apoio da Força Nacional, sendo a terceira grande apreensão da Polícia Federal no sul do Estado em poucos dias: no dia 1 deste mês foram apreendidas  1.700 caixas de cigarros de origem estrangeira, no outro dia foram duas duas toneladas de maconha no Assentamento Sul Bonito, próximo ao Porto Caiuá.

Ainda dentro da Operação Horus, prendeu um homem que estava transportando uma carga de aproximadamente 700 caixas de cigarros paraguaios, nas proximidades de Iguatemi. Esta apreensão e prisão foi efetuada por uma equipe do Exército Brasileiro, que vem atuando em conjunto na operação. O homem que dirigia o caminhão carregado de cigarros era foragido da Justiça Federal de Naviraí e tinha contra si um mandado de prisão preventiva por integrar organização criminosa desmantelada na Operação Teçá, deflagrada recentemente pela Polícia Federal de Naviraí, a qual desarticulou organização criminosa envolvida com o contrabando de cigarros.